Q
Logo Manutenção.NET

Desenvolvido por CityPubli

NOTÍCIAS:

A Internet das Coisas (IoT) como pilar fundamental para impulsionar a Indústria 4.0 no Brasil

Por Gabriel Pavão O conceito de Indústria 4.0, ou Quarta Revolução Industrial, há tempos assumiu um papel central nas discussões industriais, inclusive no contexto brasileiro. Desde a sua introdução, o setor pode se beneficiar da ascensão de novas automações e a...

Webinar Manutenção Prescritiva e Indústria 4.0 – Canal VITEK com Júlio Nascif

Webinar Manutenção Prescritiva e Indústria 4.0 – Canal VITEK com Júlio Nascif

Indústria automotiva: após anúncio de investimento de R$ 125 bi, especialista prevê aumento na demanda por aço

Indústria automotiva: após anúncio de investimento de R$ 125 bi, especialista prevê aumento na demanda por aço Marcos Ledo, diretor presidente da Krominox, enxerga um cenário otimista na produção nacional de veículos e que deve impulsionar outros segmentos No último...

Automação inteligente impulsiona a sustentabilidade na indústria brasileira

Automação inteligente impulsiona a sustentabilidade na indústria brasileira O diretor comercial do FoccoERP, Robson Rizzotto, enfatiza que para adquirir automação inteligente as empresas devem investir em tecnologias especializadas A indústria brasileira está passando...

Seagems assina contratos com a Petrobras para 6 PLSVs, no montante de US$ 1,8 bilhão

Seagems assina contratos com a Petrobras para 6 PLSVs, no montante de US$ 1,8 bilhão Rio de Janeiro, maio de 2024 – A Seagems garantiu contratos no valor de US$ 1,8 bilhão com Petrobras para seis navios PLSVs da companhia no acumulado para os próximos anos. O escopo...

Oil & Gas Summit terá discussões que reforçam a força da transição energética no Nordeste  

Oil & Gas Summit terá discussões que reforçam a força da transição energética no Nordeste   A 1ª edição do Oil & Gas Summit: Margem Equatorial e Transição Energética, que será realizada entre os dias 19 a 21 de março de 2025 no Centro de Eventos do Ceará, em...

Entre as sete tendências para a logística, está a adoção de tecnologias de Internet das Coisas (IoT)

Entre as sete tendências para a logística, está a adoção de tecnologias de Internet das Coisas (IoT) Por Elcio Rosa, diretor de Produtos e Tecnologia da Gestran, plataforma de gestão de frotas O ano de 2024 reserva para a logística algumas tendências que considero...

UniCesumar e Compass UOL: Parceria impulsiona futuro profissional de estudantes de tecnologia

UniCesumar e Compass UOL: Parceria impulsiona futuro profissional de estudantes de tecnologia Por meio do projeto Ambientes Profissionais, a parceria já beneficiou cerca de 147 alunos A UniCesumar, reconhecida por seu compromisso com a excelência acadêmica e a...

Veolia instala placas solares para gerar energia elétrica em suas operações

O projeto faz parte dos planos de descarbonização da companhia e tem capacidade para gerar 550 mil kWh por ano  ‌‎  ‌ ‌‎  ‌ ‌‎  ‌ A Veolia, empresa com atuação mundial em soluções ambientais, está instalando painéis fotovoltaicos em três de seus Centros de...

Dependabilidade na Classificação de Ativos: A Importância na Priorização de Equipamentos para uma Manutenção Efetiva e Eficaz

A Classificação dos Ativos (Priorização) é uma espécie de pedra fundamental para que se estabeleça uma Manutenção efetiva e eficaz em qualquer empresa. E é a cada dia maior a importância da dependabilidade no processo de analise riscos a que sistemas, processos e equipamentos estão sujeitos. Neste artigo exploramos a importância da dependabilidade tendo algumas referencias associadas a normas técnicas da ABNT.

Funcionário em viagem? Analise de Riscos de viagem de colaborador agora pode contar com a NBR ISO 31030.

Norma traz definições interessantes quanto aos papéis, responsabilidades e responsabilizações dentro da empresa e como desenvolver o planejamento/estabelecimento do programa em geral.
NBR ISO 31030 de 04/2024 – Gestão de riscos de viagem — Orientações para organizações.

Boa viagem e boa sorte!

Indicadores de Gestão. Uma conversa com Paulo Trombacco.

A importancia dos Indicadores de Gestão no sucesso da Manutenção estratégica

Alugar ou Comprar? O que é mais frequente na Manutenção Brasileira?

Alugar ou comprar? Todos os dias os profissionais da Manutenção tomam decisões para manter ou aumentar a confiabilidade e a disponibilidade dos ativos sob sua responsabilidade. Com um olho no custo e o outro na eficácia de seu trabalho, comprar ou alugar pode parecer...

A tecnologia como peça fundamental para a promoção da Sustentabilidade no mercado industrial

Por Gabriel Pavão ‌‎  ‌ Tanto a sustentabilidade, quanto o avanço tecnológico tem sido pautas recorrentes entre os C-levels das empresas. Para se ter uma ideia, de acordo com a pesquisa Panorama 2024, da Amcham Brasil, para 60% dos executivos, a Inteligência...

Ciser inaugura ramal de gás natural na unidade Araquari

Ciser inaugura ramal de gás natural na unidade Araquari Joinville, maio de 2024 - A Ciser, líder no setor de fixadores na América Latina, celebrou junto com autoridades de Araquari e da SCGás a inauguração do ramal de abastecimento de gás natural (GN) em sua unidade...

Hospitalar 2024 traz Simpósio de Infraestrutura: Inovação e Eficiência em Ambientes Hospitalares em Foco

Hospitalar 2024 traz Simpósio de Infraestrutura: Inovação e Eficiência em Ambientes Hospitalares em Foco Evento reunirá especialistas para discutir melhores práticas e casos de sucesso na gestão de projetos e obras em hospitais renomados do Brasil São Paulo, maio de...

Simak Rent, empresa de locação de veículos pesados, spin-off do grupo Manserv, planeja investir R$ 2 bilhões até 2026 para expandir operações

Simak Rent, empresa de locação de veículos pesados, spin-off do grupo Manserv, planeja investir R$ 2 bilhões até 2026 para expandir operações  ‌    Companhia já com conta com 1579 ativos locados, entre equipamentos de linha amarela, linha verde e caminhões. Frota deve...

Portal de Compras Públicas projeta transacionar mais de R$ 80 bilhões em licitações neste ano

Portal de Compras Públicas projeta transacionar mais de R$ 80 bilhões em licitações neste ano Com avanços na digitalização do processo licitatório, govtech também consegue promover economicidade de até 28% aos cofres públicos Com um mercado em franca expansão,...

Associação de Terminais Portuários Privados anuncia o lançamento do 2º Prêmio ATP

Concurso busca reconhecer iniciativas relacionadas a ações sociais ou inovações tecnológicas no sistema portuário privado brasileiro A Associação de Terminais Portuários Privados (ATP) lança, na próxima segunda-feira (13.05), o edital do 2º Prêmio ATP, uma iniciativa...

OSRAM traz ao país testadores profissionais de bateria e de sistemas elétricos veiculares

Ideais para uso em oficinas mecânicas, Testadores de Bateria PRO são capazes de realizar análise completa da parte elétrica dos veículos   São Paulo, maio de 2024 – Líder mundial no desenvolvimento de soluções em iluminação e acessórios automotivos, a OSRAM...

A importância das cooperativas de reciclagem para a economia circular e o crescimento socioeconômico

*POR Jade Rodriguero Dino São enormes as oportunidades e o espaço para o desenvolvimento e criação de novos negócios com base na economia circular. Segundo uma pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI), 76,4% das indústrias já desenvolvem algum tipo de...

FGV IBRE: IGP-DI sobe 0,72% em abril

FGV IBRE - O Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI) subiu 0,72% em abril. No mês de março, a taxa havia sido de -0,30%. Com este resultado, o índice acumula queda de -0,26% no ano e de -2,32% em 12 meses. Em abril de 2023, o índice havia variado...

Ambserv passa a se chamar Veolia

Ambserv passa a se chamar Veolia Empresa é referência nacional no gerenciamento de resíduos de serviços de saúde e perigosos A Ambserv, empresa especializada no gerenciamento total de resíduos, passa a se chamar Veolia. Desde o ano passado, a multinacional francesa,...
Logo Manutenção.NET

NEW

A Internet das Coisas (IoT) como pilar fundamental para impulsionar a Indústria 4.0 no Brasil

Por Gabriel Pavão O conceito de Indústria 4.0, ou Quarta Revolução Industrial, há tempos assumiu um papel central nas discussões industriais, inclusive no contexto brasileiro. Desde a sua introdução, o setor pode se beneficiar da ascensão de novas automações e a...

Webinar Manutenção Prescritiva e Indústria 4.0 – Canal VITEK com Júlio Nascif

Webinar Manutenção Prescritiva e Indústria 4.0 – Canal VITEK com Júlio Nascif

Indústria automotiva: após anúncio de investimento de R$ 125 bi, especialista prevê aumento na demanda por aço

Indústria automotiva: após anúncio de investimento de R$ 125 bi, especialista prevê aumento na demanda por aço Marcos Ledo, diretor presidente da Krominox, enxerga um cenário otimista na produção nacional de veículos e que deve impulsionar outros segmentos No último...

Automação inteligente impulsiona a sustentabilidade na indústria brasileira

Automação inteligente impulsiona a sustentabilidade na indústria brasileira O diretor comercial do FoccoERP, Robson Rizzotto, enfatiza que para adquirir automação inteligente as empresas devem investir em tecnologias especializadas A indústria brasileira está passando...

Seagems assina contratos com a Petrobras para 6 PLSVs, no montante de US$ 1,8 bilhão

Seagems assina contratos com a Petrobras para 6 PLSVs, no montante de US$ 1,8 bilhão Rio de Janeiro, maio de 2024 – A Seagems garantiu contratos no valor de US$ 1,8 bilhão com Petrobras para seis navios PLSVs da companhia no acumulado para os próximos anos. O escopo...

Oil & Gas Summit terá discussões que reforçam a força da transição energética no Nordeste  

Oil & Gas Summit terá discussões que reforçam a força da transição energética no Nordeste   A 1ª edição do Oil & Gas Summit: Margem Equatorial e Transição Energética, que será realizada entre os dias 19 a 21 de março de 2025 no Centro de Eventos do Ceará, em...

Entre as sete tendências para a logística, está a adoção de tecnologias de Internet das Coisas (IoT)

Entre as sete tendências para a logística, está a adoção de tecnologias de Internet das Coisas (IoT) Por Elcio Rosa, diretor de Produtos e Tecnologia da Gestran, plataforma de gestão de frotas O ano de 2024 reserva para a logística algumas tendências que considero...

UniCesumar e Compass UOL: Parceria impulsiona futuro profissional de estudantes de tecnologia

UniCesumar e Compass UOL: Parceria impulsiona futuro profissional de estudantes de tecnologia Por meio do projeto Ambientes Profissionais, a parceria já beneficiou cerca de 147 alunos A UniCesumar, reconhecida por seu compromisso com a excelência acadêmica e a...

Veolia instala placas solares para gerar energia elétrica em suas operações

O projeto faz parte dos planos de descarbonização da companhia e tem capacidade para gerar 550 mil kWh por ano  ‌‎  ‌ ‌‎  ‌ ‌‎  ‌ A Veolia, empresa com atuação mundial em soluções ambientais, está instalando painéis fotovoltaicos em três de seus Centros de...

Dependabilidade na Classificação de Ativos: A Importância na Priorização de Equipamentos para uma Manutenção Efetiva e Eficaz

A Classificação dos Ativos (Priorização) é uma espécie de pedra fundamental para que se estabeleça uma Manutenção efetiva e eficaz em qualquer empresa. E é a cada dia maior a importância da dependabilidade no processo de analise riscos a que sistemas, processos e equipamentos estão sujeitos. Neste artigo exploramos a importância da dependabilidade tendo algumas referencias associadas a normas técnicas da ABNT.

Funcionário em viagem? Analise de Riscos de viagem de colaborador agora pode contar com a NBR ISO 31030.

Norma traz definições interessantes quanto aos papéis, responsabilidades e responsabilizações dentro da empresa e como desenvolver o planejamento/estabelecimento do programa em geral.
NBR ISO 31030 de 04/2024 – Gestão de riscos de viagem — Orientações para organizações.

Boa viagem e boa sorte!

Indicadores de Gestão. Uma conversa com Paulo Trombacco.

A importancia dos Indicadores de Gestão no sucesso da Manutenção estratégica

Alugar ou Comprar? O que é mais frequente na Manutenção Brasileira?

Alugar ou comprar? Todos os dias os profissionais da Manutenção tomam decisões para manter ou aumentar a confiabilidade e a disponibilidade dos ativos sob sua responsabilidade. Com um olho no custo e o outro na eficácia de seu trabalho, comprar ou alugar pode parecer...

A tecnologia como peça fundamental para a promoção da Sustentabilidade no mercado industrial

Por Gabriel Pavão ‌‎  ‌ Tanto a sustentabilidade, quanto o avanço tecnológico tem sido pautas recorrentes entre os C-levels das empresas. Para se ter uma ideia, de acordo com a pesquisa Panorama 2024, da Amcham Brasil, para 60% dos executivos, a Inteligência...

Ciser inaugura ramal de gás natural na unidade Araquari

Ciser inaugura ramal de gás natural na unidade Araquari Joinville, maio de 2024 - A Ciser, líder no setor de fixadores na América Latina, celebrou junto com autoridades de Araquari e da SCGás a inauguração do ramal de abastecimento de gás natural (GN) em sua unidade...

Hospitalar 2024 traz Simpósio de Infraestrutura: Inovação e Eficiência em Ambientes Hospitalares em Foco

Hospitalar 2024 traz Simpósio de Infraestrutura: Inovação e Eficiência em Ambientes Hospitalares em Foco Evento reunirá especialistas para discutir melhores práticas e casos de sucesso na gestão de projetos e obras em hospitais renomados do Brasil São Paulo, maio de...

Simak Rent, empresa de locação de veículos pesados, spin-off do grupo Manserv, planeja investir R$ 2 bilhões até 2026 para expandir operações

Simak Rent, empresa de locação de veículos pesados, spin-off do grupo Manserv, planeja investir R$ 2 bilhões até 2026 para expandir operações  ‌    Companhia já com conta com 1579 ativos locados, entre equipamentos de linha amarela, linha verde e caminhões. Frota deve...

Portal de Compras Públicas projeta transacionar mais de R$ 80 bilhões em licitações neste ano

Portal de Compras Públicas projeta transacionar mais de R$ 80 bilhões em licitações neste ano Com avanços na digitalização do processo licitatório, govtech também consegue promover economicidade de até 28% aos cofres públicos Com um mercado em franca expansão,...

Associação de Terminais Portuários Privados anuncia o lançamento do 2º Prêmio ATP

Concurso busca reconhecer iniciativas relacionadas a ações sociais ou inovações tecnológicas no sistema portuário privado brasileiro A Associação de Terminais Portuários Privados (ATP) lança, na próxima segunda-feira (13.05), o edital do 2º Prêmio ATP, uma iniciativa...

OSRAM traz ao país testadores profissionais de bateria e de sistemas elétricos veiculares

Ideais para uso em oficinas mecânicas, Testadores de Bateria PRO são capazes de realizar análise completa da parte elétrica dos veículos   São Paulo, maio de 2024 – Líder mundial no desenvolvimento de soluções em iluminação e acessórios automotivos, a OSRAM...

A importância das cooperativas de reciclagem para a economia circular e o crescimento socioeconômico

*POR Jade Rodriguero Dino São enormes as oportunidades e o espaço para o desenvolvimento e criação de novos negócios com base na economia circular. Segundo uma pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI), 76,4% das indústrias já desenvolvem algum tipo de...

FGV IBRE: IGP-DI sobe 0,72% em abril

FGV IBRE - O Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI) subiu 0,72% em abril. No mês de março, a taxa havia sido de -0,30%. Com este resultado, o índice acumula queda de -0,26% no ano e de -2,32% em 12 meses. Em abril de 2023, o índice havia variado...

Ambserv passa a se chamar Veolia

Ambserv passa a se chamar Veolia Empresa é referência nacional no gerenciamento de resíduos de serviços de saúde e perigosos A Ambserv, empresa especializada no gerenciamento total de resíduos, passa a se chamar Veolia. Desde o ano passado, a multinacional francesa,...

Sustentabilidade alinhada com a Gestão de Riscos Ambientais

monteeuse 750x120

A Gestão de Riscos Ambientais é uma preocupação que vem ganhando a atenção de muitas organizações, seja para sua operação própria ou mesmo para a formação de parcerias na rede de fornecedores

São Paulo, maio de 2023 – Riscos ambientais são os agentes nocivos existentes nos ambientes de trabalho que, em função de sua natureza, concentração ou intensidade e tempo de exposição, são capazes de causar danos à saúde do trabalhador.

Quando tratamos sobre riscos ambientais, é comum pensar que eles estão limitados a setores específicos, como o do Agronegócio e a construção civil, por exemplo. No entanto, é importante saber que eles estão presentes nos mais diversos segmentos e também em operações que podem parecer simples e livres de maiores ameaças. Infelizmente, os riscos ambientais podem causar perdas de diferentes tipos – o que pode envolver, inclusive, sérios danos à vida e/ou à saúde das pessoas afetadas e, consequentemente, para a empresa.

Segundo dados do Instituto de Pesquisa Ecológicas, a COP 15 definiu as metas do marco global de biodiversidade pós 2020, que vão orientar as ações mundiais pela conservação da biodiversidade até 2030. Dentre elas está:

  • META 15: Adotar medidas legais, administrativas ou políticas para incentivar e viabilizar negócios e, em particular, para garantir que grandes empresas transnacionais e instituições financeiras:
  • (a) Monitorem, avaliem e divulguem com transparência seus riscos, dependências e impactos sobre a biodiversidade, inclusive com requisitos para todas as empresas e instituições financeiras grandes e transnacionais ao longo de suas operações, cadeias de suprimentos e valor e portfólios;
  • (b) Fornecer informações necessárias aos consumidores para promover padrões de consumo sustentáveis;
  • (c) Informar sobre o cumprimento dos regulamentos e medidas de acesso e repartição de benefícios, conforme aplicável; a fim de reduzir progressivamente os impactos negativos sobre a biodiversidade, aumentar os impactos positivos, reduzir os riscos relacionados à biodiversidade para empresas e instituições financeiras e promover ações para garantir padrões sustentáveis de produção.

Diante deste cenário, fica cada vez mais visível a importância do alinhamento e estratégias de crescimento das empresas, em prol da preservação de recursos, redução de impactos e remediação de dados no meio ambiente. Nesse contexto surge a Governança Ambiental, Social e Corporativa, mais conhecida como: ESG (Environmental, Social and Governance).

ESG no ambiente corporativo

As temáticas que envolvem a sigla ESG, vêm ganhando cada vez mais espaço no ambiente corporativo. Iniciada em 2006 a partir da criação do documento Princípios para o Investimento Responsável, pela ONU (Organização das Nações Unidas), sugere que as empresas sejam avaliadas pelos investidores não só em relação aos seus aspectos econômicos como sua responsabilidade ambiental, social e de governança.

Para Bruno Santos, sócio e responsável pela Gestão de Terceiros da Bernhoeft, consultoria pioneira em GRT há 20 anos, a temática ESG, traz para as empresas a implementação de novos hábitos e objetivos, os quais podem ser definidos de acordo com a visão para os próximos anos, entendendo que não é coerente que grandes mudanças sejam realizadas de forma repentina, pois envolve a mudança de Cultura das Organizações e Cultura não é possível mudar rapidamente. “É preciso entender qual o impacto que o seu Negócio traz para a Sociedade e para o Meio Ambiente. Após a definição das metas para o futuro, através da matriz de materialidade e do conhecimento do potencial da sua empresa, é possível buscar o cumprimento da legislação vigente na sua cidade e atuar de forma ativa na redução de impactos ambientais, garantir qualidade de vida e direitos aos colaboradores e transparência nos processos de governança da empresa”, explica o especialista.

Tipos de Riscos Ambientais

Os riscos ambientais podem ser identificados de acordo com sua área de influência, sendo direta, indireta e por meio da área diretamente afetada pela ação de operação e ampliação do empreendimento. Esses riscos podem ser apontados através da interferência no meio físico, da falta de um sistema de gestão ambiental que auxilie no cumprimento da legislação ambiental vigente. Veja alguns dos principais riscos ambientais:

  • Poluição do ar e emissão de gases de efeito estufa.
  • Poluição da água.
  • Desmatamento e perda da biodiversidade.
  • Gestão inadequada dos resíduos.
  • Uso insustentável dos recursos naturais.
  • Falhas no cumprimento da regulação ambiental.

Então, como agir de forma prática para prevenir os riscos ambientais e reduzir prejuízos ?

A importância do monitoramento da Gestão de Riscos Ambientais

O monitoramento dos riscos ambientais pode ser definido como um conjunto de atividades que conduzem as empresas com a avaliação e controle de seus fornecedores. Ou seja, busca realizar a inspeção e minimização dos riscos, a partir da coleta e processamento de informações. O processo pode ser realizado com a avaliação do cumprimento da legislação ambiental vigente, realização de auditorias em campo para monitoramento do ambiente no qual está inserido o empreendimento, realização de acompanhamento na execução do Sistema de Gestão Ambiental.

A intensificação de avaliação e monitoramento de fornecedores resulta na melhoria do desempenho da cadeia como um todo, desde os aspectos como a qualidade, agilidade, flexibilidade e custo”, conta Bruno Santos. “A partir da imposição de requisitos mínimos definidos pelos contratantes, é possível estimular que os fornecedores atuem com visíveis melhorias nas três dimensões da sustentabilidade”, completa.

Quando uma empresa se encontra na contramão dessa caminhada, ela pode sofrer riscos de obter a reputação negativa, visto que a sustentabilidade é uma preocupação crescente entre os consumidores e uma possível falha dos seus fornecedores poderia prejudicar toda a cadeia de suprimentos. “Os riscos legais e de conformidade podem ser encarados como cumplicidade em casos de atividades ilegais sendo realizadas por seus fornecedores e atividades que possam causar significativos danos ambientais, comprovando a importância da homologação dos seus fornecedores e verificação de todo o cumprimento da legislação”, detalha Santos.

Por fim, pode haver prejuízos financeiros pela falta de verificação através da aplicação de multas, custos de remediação ambiental, perdas de clientes e receita.

A Gestão de Riscos Ambientais e os seus benefícios

A Gestão de Riscos Ambientais tem o objetivo de prevenir, controlar e reduzir os impactos ocasionados por empresas ou empreendimentos por meio do planejamento de medidas e procedimentos técnico-administrativos. Ela pode variar conforme o porte da empresa e sua atividade desempenhada. “Existem iniciativas e padrões internacionais, como a ISO 14.001 (Sistema de Gestão Ambiental) que fornecem diretrizes e melhores práticas para a gestão ambiental internamente na empresa”, explica Bruno Santos.

Na avaliação de riscos ESG, as empresas conseguem avaliar o cumprimento da legislação vigente, com uma análise detalhada da documentação presente e monitoramento do vencimento, realização de visitas in loco, auditorias para acompanhamento do desenvolvimento das atividades, bem como o cumprimento das exigências realizadas pelo órgão ambiental competente.

As empresas estão funcionando – cada vez menos – de forma isolada, sendo necessário terem o pensamento como uma cadeia que realiza o trabalho em conjunto para obter resultados positivos, tornando imprescindível a adoção de medidas sustentáveis a todos os integrantes presentes na cadeia de suprimentos, para a redução dos impactos no meio ambiente e a preservação dos recursos naturais. “Vale lembrar que os cuidados com o meio ambiente não são uma preocupação apenas para o futuro. A preservação dos recursos, da fauna e da flora são também uma preocupação para o nosso presente”, finaliza Bruno.

Sobre a Bernhoeft

Fundada em 1996, a Bernhoeft é uma empresa nacional que presta serviços diversos nas áreas de BPO, Cálculos Judiciais, Gestão de Terceiros e Consultoria Tributária. Foi a primeira empresa no Brasil a realizar serviços de Gestão de Terceiros. Atua com companhias nacionais e internacionais de diferentes portes e segmentos e conta com uma equipe de mais de 550 profissionais capacitados e com expertise na gestão dos processos de seus clientes. Atualmente, a empresa é gerenciada pelo sócio Luiz Carlos Bernhoeft Jr. e mais nove sócios que se dividem nas áreas de negócios da empresa.

Bruno Santos, sócio e responsável pela Gestão de Terceiros da Bernhoeft

Especialista em Gestão de Riscos com Terceiros, é formado em Administração de Empresas pela Universidade Federal de Pernambuco e possui MBA em Gestão de Projetos pela Fundação Getúlio Vargas. Foi um dos criadores do primeiro curso de Gestão de Terceiros do Brasil e participou da criação do conceito de Nível de Maturidade na Gestão de Terceiros.

Realiza webinars e ensina como mitigar riscos envolvidos na terceirização com objetivo de incrementar cada vez mais o conhecimento das empresas quanto à Gestão de Terceiros. Participa de palestras em eventos como Fórum de Compras, Maratona Supply Chain, entre outros e também atua como professor de pós-graduação.

Conta com mais de 14 anos de experiência e implantou a Gestão de Terceiros em mais de 70 empresas de diversos segmentos e portes. Atualmente, Bruno é sócio da Bernhoeft, empresa de atuação nacional especializada em Cálculos Judiciais, Gestão de Riscos com Terceiros, BPO (Contábil, Fiscal, de Folha e Financeiro) e Consultoria Tributária, e da BexUp, plataforma Saas de automação e inteligência artificial voltada para a Gestão de Terceiros.

×