Q
Logo Manutenção.NET

Desenvolvido por CityPubli

NOTÍCIAS:

A Internet das Coisas (IoT) como pilar fundamental para impulsionar a Indústria 4.0 no Brasil

Por Gabriel Pavão O conceito de Indústria 4.0, ou Quarta Revolução Industrial, há tempos assumiu um papel central nas discussões industriais, inclusive no contexto brasileiro. Desde a sua introdução, o setor pode se beneficiar da ascensão de novas automações e a...

Webinar Manutenção Prescritiva e Indústria 4.0 – Canal VITEK com Júlio Nascif

Webinar Manutenção Prescritiva e Indústria 4.0 – Canal VITEK com Júlio Nascif

Indústria automotiva: após anúncio de investimento de R$ 125 bi, especialista prevê aumento na demanda por aço

Indústria automotiva: após anúncio de investimento de R$ 125 bi, especialista prevê aumento na demanda por aço Marcos Ledo, diretor presidente da Krominox, enxerga um cenário otimista na produção nacional de veículos e que deve impulsionar outros segmentos No último...

Automação inteligente impulsiona a sustentabilidade na indústria brasileira

Automação inteligente impulsiona a sustentabilidade na indústria brasileira O diretor comercial do FoccoERP, Robson Rizzotto, enfatiza que para adquirir automação inteligente as empresas devem investir em tecnologias especializadas A indústria brasileira está passando...

Seagems assina contratos com a Petrobras para 6 PLSVs, no montante de US$ 1,8 bilhão

Seagems assina contratos com a Petrobras para 6 PLSVs, no montante de US$ 1,8 bilhão Rio de Janeiro, maio de 2024 – A Seagems garantiu contratos no valor de US$ 1,8 bilhão com Petrobras para seis navios PLSVs da companhia no acumulado para os próximos anos. O escopo...

Oil & Gas Summit terá discussões que reforçam a força da transição energética no Nordeste  

Oil & Gas Summit terá discussões que reforçam a força da transição energética no Nordeste   A 1ª edição do Oil & Gas Summit: Margem Equatorial e Transição Energética, que será realizada entre os dias 19 a 21 de março de 2025 no Centro de Eventos do Ceará, em...

Entre as sete tendências para a logística, está a adoção de tecnologias de Internet das Coisas (IoT)

Entre as sete tendências para a logística, está a adoção de tecnologias de Internet das Coisas (IoT) Por Elcio Rosa, diretor de Produtos e Tecnologia da Gestran, plataforma de gestão de frotas O ano de 2024 reserva para a logística algumas tendências que considero...

UniCesumar e Compass UOL: Parceria impulsiona futuro profissional de estudantes de tecnologia

UniCesumar e Compass UOL: Parceria impulsiona futuro profissional de estudantes de tecnologia Por meio do projeto Ambientes Profissionais, a parceria já beneficiou cerca de 147 alunos A UniCesumar, reconhecida por seu compromisso com a excelência acadêmica e a...

Veolia instala placas solares para gerar energia elétrica em suas operações

O projeto faz parte dos planos de descarbonização da companhia e tem capacidade para gerar 550 mil kWh por ano  ‌‎  ‌ ‌‎  ‌ ‌‎  ‌ A Veolia, empresa com atuação mundial em soluções ambientais, está instalando painéis fotovoltaicos em três de seus Centros de...

Dependabilidade na Classificação de Ativos: A Importância na Priorização de Equipamentos para uma Manutenção Efetiva e Eficaz

A Classificação dos Ativos (Priorização) é uma espécie de pedra fundamental para que se estabeleça uma Manutenção efetiva e eficaz em qualquer empresa. E é a cada dia maior a importância da dependabilidade no processo de analise riscos a que sistemas, processos e equipamentos estão sujeitos. Neste artigo exploramos a importância da dependabilidade tendo algumas referencias associadas a normas técnicas da ABNT.

Funcionário em viagem? Analise de Riscos de viagem de colaborador agora pode contar com a NBR ISO 31030.

Norma traz definições interessantes quanto aos papéis, responsabilidades e responsabilizações dentro da empresa e como desenvolver o planejamento/estabelecimento do programa em geral.
NBR ISO 31030 de 04/2024 – Gestão de riscos de viagem — Orientações para organizações.

Boa viagem e boa sorte!

Indicadores de Gestão. Uma conversa com Paulo Trombacco.

A importancia dos Indicadores de Gestão no sucesso da Manutenção estratégica

Alugar ou Comprar? O que é mais frequente na Manutenção Brasileira?

Alugar ou comprar? Todos os dias os profissionais da Manutenção tomam decisões para manter ou aumentar a confiabilidade e a disponibilidade dos ativos sob sua responsabilidade. Com um olho no custo e o outro na eficácia de seu trabalho, comprar ou alugar pode parecer...

A tecnologia como peça fundamental para a promoção da Sustentabilidade no mercado industrial

Por Gabriel Pavão ‌‎  ‌ Tanto a sustentabilidade, quanto o avanço tecnológico tem sido pautas recorrentes entre os C-levels das empresas. Para se ter uma ideia, de acordo com a pesquisa Panorama 2024, da Amcham Brasil, para 60% dos executivos, a Inteligência...

Ciser inaugura ramal de gás natural na unidade Araquari

Ciser inaugura ramal de gás natural na unidade Araquari Joinville, maio de 2024 - A Ciser, líder no setor de fixadores na América Latina, celebrou junto com autoridades de Araquari e da SCGás a inauguração do ramal de abastecimento de gás natural (GN) em sua unidade...

Hospitalar 2024 traz Simpósio de Infraestrutura: Inovação e Eficiência em Ambientes Hospitalares em Foco

Hospitalar 2024 traz Simpósio de Infraestrutura: Inovação e Eficiência em Ambientes Hospitalares em Foco Evento reunirá especialistas para discutir melhores práticas e casos de sucesso na gestão de projetos e obras em hospitais renomados do Brasil São Paulo, maio de...

Simak Rent, empresa de locação de veículos pesados, spin-off do grupo Manserv, planeja investir R$ 2 bilhões até 2026 para expandir operações

Simak Rent, empresa de locação de veículos pesados, spin-off do grupo Manserv, planeja investir R$ 2 bilhões até 2026 para expandir operações  ‌    Companhia já com conta com 1579 ativos locados, entre equipamentos de linha amarela, linha verde e caminhões. Frota deve...

Portal de Compras Públicas projeta transacionar mais de R$ 80 bilhões em licitações neste ano

Portal de Compras Públicas projeta transacionar mais de R$ 80 bilhões em licitações neste ano Com avanços na digitalização do processo licitatório, govtech também consegue promover economicidade de até 28% aos cofres públicos Com um mercado em franca expansão,...

Associação de Terminais Portuários Privados anuncia o lançamento do 2º Prêmio ATP

Concurso busca reconhecer iniciativas relacionadas a ações sociais ou inovações tecnológicas no sistema portuário privado brasileiro A Associação de Terminais Portuários Privados (ATP) lança, na próxima segunda-feira (13.05), o edital do 2º Prêmio ATP, uma iniciativa...

OSRAM traz ao país testadores profissionais de bateria e de sistemas elétricos veiculares

Ideais para uso em oficinas mecânicas, Testadores de Bateria PRO são capazes de realizar análise completa da parte elétrica dos veículos   São Paulo, maio de 2024 – Líder mundial no desenvolvimento de soluções em iluminação e acessórios automotivos, a OSRAM...

A importância das cooperativas de reciclagem para a economia circular e o crescimento socioeconômico

*POR Jade Rodriguero Dino São enormes as oportunidades e o espaço para o desenvolvimento e criação de novos negócios com base na economia circular. Segundo uma pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI), 76,4% das indústrias já desenvolvem algum tipo de...

FGV IBRE: IGP-DI sobe 0,72% em abril

FGV IBRE - O Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI) subiu 0,72% em abril. No mês de março, a taxa havia sido de -0,30%. Com este resultado, o índice acumula queda de -0,26% no ano e de -2,32% em 12 meses. Em abril de 2023, o índice havia variado...

Ambserv passa a se chamar Veolia

Ambserv passa a se chamar Veolia Empresa é referência nacional no gerenciamento de resíduos de serviços de saúde e perigosos A Ambserv, empresa especializada no gerenciamento total de resíduos, passa a se chamar Veolia. Desde o ano passado, a multinacional francesa,...
Logo Manutenção.NET

NEW

A Internet das Coisas (IoT) como pilar fundamental para impulsionar a Indústria 4.0 no Brasil

Por Gabriel Pavão O conceito de Indústria 4.0, ou Quarta Revolução Industrial, há tempos assumiu um papel central nas discussões industriais, inclusive no contexto brasileiro. Desde a sua introdução, o setor pode se beneficiar da ascensão de novas automações e a...

Webinar Manutenção Prescritiva e Indústria 4.0 – Canal VITEK com Júlio Nascif

Webinar Manutenção Prescritiva e Indústria 4.0 – Canal VITEK com Júlio Nascif

Indústria automotiva: após anúncio de investimento de R$ 125 bi, especialista prevê aumento na demanda por aço

Indústria automotiva: após anúncio de investimento de R$ 125 bi, especialista prevê aumento na demanda por aço Marcos Ledo, diretor presidente da Krominox, enxerga um cenário otimista na produção nacional de veículos e que deve impulsionar outros segmentos No último...

Automação inteligente impulsiona a sustentabilidade na indústria brasileira

Automação inteligente impulsiona a sustentabilidade na indústria brasileira O diretor comercial do FoccoERP, Robson Rizzotto, enfatiza que para adquirir automação inteligente as empresas devem investir em tecnologias especializadas A indústria brasileira está passando...

Seagems assina contratos com a Petrobras para 6 PLSVs, no montante de US$ 1,8 bilhão

Seagems assina contratos com a Petrobras para 6 PLSVs, no montante de US$ 1,8 bilhão Rio de Janeiro, maio de 2024 – A Seagems garantiu contratos no valor de US$ 1,8 bilhão com Petrobras para seis navios PLSVs da companhia no acumulado para os próximos anos. O escopo...

Oil & Gas Summit terá discussões que reforçam a força da transição energética no Nordeste  

Oil & Gas Summit terá discussões que reforçam a força da transição energética no Nordeste   A 1ª edição do Oil & Gas Summit: Margem Equatorial e Transição Energética, que será realizada entre os dias 19 a 21 de março de 2025 no Centro de Eventos do Ceará, em...

Entre as sete tendências para a logística, está a adoção de tecnologias de Internet das Coisas (IoT)

Entre as sete tendências para a logística, está a adoção de tecnologias de Internet das Coisas (IoT) Por Elcio Rosa, diretor de Produtos e Tecnologia da Gestran, plataforma de gestão de frotas O ano de 2024 reserva para a logística algumas tendências que considero...

UniCesumar e Compass UOL: Parceria impulsiona futuro profissional de estudantes de tecnologia

UniCesumar e Compass UOL: Parceria impulsiona futuro profissional de estudantes de tecnologia Por meio do projeto Ambientes Profissionais, a parceria já beneficiou cerca de 147 alunos A UniCesumar, reconhecida por seu compromisso com a excelência acadêmica e a...

Veolia instala placas solares para gerar energia elétrica em suas operações

O projeto faz parte dos planos de descarbonização da companhia e tem capacidade para gerar 550 mil kWh por ano  ‌‎  ‌ ‌‎  ‌ ‌‎  ‌ A Veolia, empresa com atuação mundial em soluções ambientais, está instalando painéis fotovoltaicos em três de seus Centros de...

Dependabilidade na Classificação de Ativos: A Importância na Priorização de Equipamentos para uma Manutenção Efetiva e Eficaz

A Classificação dos Ativos (Priorização) é uma espécie de pedra fundamental para que se estabeleça uma Manutenção efetiva e eficaz em qualquer empresa. E é a cada dia maior a importância da dependabilidade no processo de analise riscos a que sistemas, processos e equipamentos estão sujeitos. Neste artigo exploramos a importância da dependabilidade tendo algumas referencias associadas a normas técnicas da ABNT.

Funcionário em viagem? Analise de Riscos de viagem de colaborador agora pode contar com a NBR ISO 31030.

Norma traz definições interessantes quanto aos papéis, responsabilidades e responsabilizações dentro da empresa e como desenvolver o planejamento/estabelecimento do programa em geral.
NBR ISO 31030 de 04/2024 – Gestão de riscos de viagem — Orientações para organizações.

Boa viagem e boa sorte!

Indicadores de Gestão. Uma conversa com Paulo Trombacco.

A importancia dos Indicadores de Gestão no sucesso da Manutenção estratégica

Alugar ou Comprar? O que é mais frequente na Manutenção Brasileira?

Alugar ou comprar? Todos os dias os profissionais da Manutenção tomam decisões para manter ou aumentar a confiabilidade e a disponibilidade dos ativos sob sua responsabilidade. Com um olho no custo e o outro na eficácia de seu trabalho, comprar ou alugar pode parecer...

A tecnologia como peça fundamental para a promoção da Sustentabilidade no mercado industrial

Por Gabriel Pavão ‌‎  ‌ Tanto a sustentabilidade, quanto o avanço tecnológico tem sido pautas recorrentes entre os C-levels das empresas. Para se ter uma ideia, de acordo com a pesquisa Panorama 2024, da Amcham Brasil, para 60% dos executivos, a Inteligência...

Ciser inaugura ramal de gás natural na unidade Araquari

Ciser inaugura ramal de gás natural na unidade Araquari Joinville, maio de 2024 - A Ciser, líder no setor de fixadores na América Latina, celebrou junto com autoridades de Araquari e da SCGás a inauguração do ramal de abastecimento de gás natural (GN) em sua unidade...

Hospitalar 2024 traz Simpósio de Infraestrutura: Inovação e Eficiência em Ambientes Hospitalares em Foco

Hospitalar 2024 traz Simpósio de Infraestrutura: Inovação e Eficiência em Ambientes Hospitalares em Foco Evento reunirá especialistas para discutir melhores práticas e casos de sucesso na gestão de projetos e obras em hospitais renomados do Brasil São Paulo, maio de...

Simak Rent, empresa de locação de veículos pesados, spin-off do grupo Manserv, planeja investir R$ 2 bilhões até 2026 para expandir operações

Simak Rent, empresa de locação de veículos pesados, spin-off do grupo Manserv, planeja investir R$ 2 bilhões até 2026 para expandir operações  ‌    Companhia já com conta com 1579 ativos locados, entre equipamentos de linha amarela, linha verde e caminhões. Frota deve...

Portal de Compras Públicas projeta transacionar mais de R$ 80 bilhões em licitações neste ano

Portal de Compras Públicas projeta transacionar mais de R$ 80 bilhões em licitações neste ano Com avanços na digitalização do processo licitatório, govtech também consegue promover economicidade de até 28% aos cofres públicos Com um mercado em franca expansão,...

Associação de Terminais Portuários Privados anuncia o lançamento do 2º Prêmio ATP

Concurso busca reconhecer iniciativas relacionadas a ações sociais ou inovações tecnológicas no sistema portuário privado brasileiro A Associação de Terminais Portuários Privados (ATP) lança, na próxima segunda-feira (13.05), o edital do 2º Prêmio ATP, uma iniciativa...

OSRAM traz ao país testadores profissionais de bateria e de sistemas elétricos veiculares

Ideais para uso em oficinas mecânicas, Testadores de Bateria PRO são capazes de realizar análise completa da parte elétrica dos veículos   São Paulo, maio de 2024 – Líder mundial no desenvolvimento de soluções em iluminação e acessórios automotivos, a OSRAM...

A importância das cooperativas de reciclagem para a economia circular e o crescimento socioeconômico

*POR Jade Rodriguero Dino São enormes as oportunidades e o espaço para o desenvolvimento e criação de novos negócios com base na economia circular. Segundo uma pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI), 76,4% das indústrias já desenvolvem algum tipo de...

FGV IBRE: IGP-DI sobe 0,72% em abril

FGV IBRE - O Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI) subiu 0,72% em abril. No mês de março, a taxa havia sido de -0,30%. Com este resultado, o índice acumula queda de -0,26% no ano e de -2,32% em 12 meses. Em abril de 2023, o índice havia variado...

Ambserv passa a se chamar Veolia

Ambserv passa a se chamar Veolia Empresa é referência nacional no gerenciamento de resíduos de serviços de saúde e perigosos A Ambserv, empresa especializada no gerenciamento total de resíduos, passa a se chamar Veolia. Desde o ano passado, a multinacional francesa,...
manutencao.net-AES-Brasil-e-SENAI-formam-primeiras-mulheres-especialistas-no-RN-em-manutencao-e-operacao-de-eolicas.jpg

A especialização reuniu 73 mulheres e é considerada um marco para a indústria e para a participação feminina no estado, líder nacional do setor | Foto: Tiago Lima

 

A AES Brasil e o SENAI-RN formam, nesta quinta-feira (24), as primeiras especialistas no Rio Grande do Norte em manutenção e operação de parques eólicos. A especialização reuniu 73 mulheres e é considerada um marco para a indústria e para a participação feminina no estado, líder nacional do setor.

Segundo as instituições envolvidas, o objetivo do projeto foi ampliar a disponibilidade de profissionais qualificadas para atender a demanda da atividade, em curva de expansão no país. Alunas concluintes do curso também participarão do processo de seleção para compor a equipe do Complexo Eólico Cajuína, que a AES Brasil está implantando na região do Sertão Central Cabugi, entre os municípios potiguares de Lajes, Angicos, Fernando Pedroza e Pedro Avelino.

“Estamos muito honrados em celebrar a formatura de mais de 70 mulheres capacitadas em manutenção e operação de parques eólicos, por meio da parceria com o SENAI/RN, reforçando o compromisso da AES Brasil com a diversidade e a igualdade de gênero no setor de energias renováveis”, afirma Rodrigo Porto, diretor de Recursos Humanos, Gestão e Serviços Compartilhados na AES Brasil. “A AES Brasil é uma empresa de energia 100% renovável, com planos sólidos e ousados de crescimento, como comprovam os investimentos nos Complexos Eólicos de Cajuína (RN) e Tucano (Bahia), ambos 100% operados por mulheres”, diz Porto.

Presença da AES Brasil no Rio Grande do Norte

O Rio Grande do Norte é uma região estratégica para os negócios da AES Brasil, onde a companhia possui dois Complexos Eólicos já operando: Salinas, na região do município de Areia Branca; e Ventus, na região de Galinhos e Macau. Em 2022, a companhia iniciou a construção do seu terceiro empreendimento no estado, o Complexo Eólico Cajuína, que poderá chegar a uma capacidade instalada total de 1,4GW*. Desse total, 684MW se encontram em fase final de construção, com início da operação previsto para o segundo semestre de 2023. No empreendimento, a AES Brasil firmou parcerias com grandes empresas como Unipar e a BRF, que fecharam contratos de autoprodução de energia.

Formatura

Concluída em agosto, a Especialização Técnica em Manutenção e Operação de Parques Eólicos teve 460 horas – o equivalente a aproximadamente seis meses – e foi oferecida de forma gratuita, com aulas online (ao vivo) e um encontro presencial.

A cerimônia que marca o encerramento do curso faz parte da programação do Sistema FIERN Experience, evento que vai proporcionar ao público uma imersão no universo de inovações e tecnologias que o Sistema Indústria oferece, por meio do SENAI, do SESI e do IEL no estado. (Clique aqui para saber mais: Link).

Discussões com grandes players das indústrias de energia, alimentos, moda e veículos também integram a programação de palestras com temas ligados à sustentabilidade, transformação dos negócios, futuro e ESG (sigla em inglês para environmental, social and governance, que corresponde às práticas ambientais, sociais e de governança das organizações).

A formatura das primeiras especialistas do estado na área de manutenção e operação de parques eólicos será realizada no primeiro dia do evento, na sequência da palestra “Diversidade e Inclusão no Setor Eólico”, da gerente de ESG na AES Brasil, Andrea Santoro. A palestra terá início às 18h30 e está com vagas esgotadas.

Impulso

“O setor de energias renováveis é uma das principais forças do PIB do Rio Grande do Norte e promover o acesso à educação de qualidade para impulsionar o crescimento sustentado da indústria e a diversidade de pessoas nesse processo é crucial”, diz o diretor do SENAI-RN e do Instituto SENAI de Inovação em Energias Renováveis (ISI-ER), Rodrigo Mello.

“Consideramos nossa parceria com a AES Brasil estratégica em um cenário de expansão da atividade no onshore e em que novas perspectivas se abrem no Brasil com o offshore. É um tipo de ação que, sem dúvida, pavimenta caminhos para que horizontes com mais oportunidades de empregos de qualidade e com melhor remuneração sejam alcançados”, complementou o executivo.

Amora Vieira, diretora do Centro de Tecnologias do Gás e Energias Renováveis (CTGAS-ER), o centro do SENAI à frente da iniciativa, chamou a atenção para o ineditismo da parceria e o alinhamento que existe com metas globais do setor, também estratégicas para a instituição.

O Programa de Capacitação está alinhado às estratégias da AES Brasil e do SENAI-RN com foco nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), em prol de avanços em áreas como oferta de educação de qualidade, redução das desigualdades e igualdade de gênero. Também está inserido em esforços relacionados ao Pacto Global de Direitos Humanos, Trabalho, Meio Ambiente e Anticorrupção da Organização das Nações Unidas (ONU), que tem as duas instituições como signatárias.

“A gente traz, com esse projeto, uma conexão com o que temos trabalhado firmemente, o intensificar ações voltadas para a inserção das mulheres nas profissões tecnológicas”, frisa Amora e acrescenta: “Essa formação abre importantes perspectivas para as mulheres que estão se formando. Todas são originárias de uma formação técnica e agora com especialização há um sentimento de que potencializam o currículo, a formação, para ingressar em carreiras dentro de empresas da área de energia. Abre-se essa perspectiva para elas enquanto alunas olhando o futuro e as possibilidades a partir dessa formação e, para a sociedade, ratifica e afirma que o senai tem atuado na formação de mulheres para a área tecnológica”.

A Especialização contou com a participação de mulheres com formação inicial em eletrotécnica, mecânica e segurança do trabalho. O processo seletivo recebeu aproximadamente 600 currículos e, devido ao alto nível das candidatas, o número de vagas, que seria originalmente 60, acabou ampliado.

As participantes têm entre 19 e 57 anos e são oriundas de 17 municípios do Rio Grande do Norte, incluindo Natal, Parnamirim, Mossoró, São Gonçalo do Amarante, Lajes, Macaíba, Angicos, Assu, Caicó, Canguaretama, Ceará-Mirim, Cerro Corá, Extremoz, João Câmara, Nísia Floresta, Patu e Serra do Mel.

Noções de Projetos de Redes de Distribuição, Montagem e Manutenção de Rede de Distribuição, Operação de Equipamentos e Dispositivos de Redes de Distribuição, Subestações, Desenvolvimento de Pessoas, Indústria 4.0, Máquinas elétricas, Fundamentos e Aplicações da energia eólica, Planejamento e controle da manutenção e Segurança do trabalho estão entre as disciplinas cursadas.

Sobre a AES Brasil

Acelerando o futuro da energia há quase 25 anos, a AES Brasil é uma empresa geradora a partir de fontes renováveis. A Companhia oferece soluções inovadoras e customizadas dentro das necessidades dos clientes, apoiando-os como um importante parceiro em sua busca pela transição energética.

Hoje, a AES Brasil conta com um portfólio de ativos 100% renováveis, com capacidade instalada contratada total de 5,2 GW*, sendo 2,7 GW hídrico, 2,2 GW* eólico e 0,3 GW solar. Adicionalmente, a companhia está desenvolvendo parte de seu pipeline eólico e solar, ainda em negociação, que poderá adicionar até 1,7 GW** de capacidade instalada.

* Considera 1,0 GW referente aos projetos em construção de Tucano e Cajuína

** Sujeito a alteração em função de otimizações nos projetos

Investimento social

No ano passado, a AES Brasil assinou, junto ao Governo do Estado, uma carta de intenções prevendo investimentos sociais de, aproximadamente, R$7,3 milhões que beneficiarão cerca de 5.700 pessoas no Rio Grande do Norte. Este ano, a AES Brasil iniciou a entrega de cisternas de placa, tecnologia social com capacidade para armazenar até 16 mil litros de água provenientes da chuva, além da construção de poços artesianos para uso comunitário. As ações, que fazem parte do projeto de Segurança Hídrica, beneficiarão 86 famílias que vivem em comunidades vizinhas ao Complexo Eólico Cajuína.

Outra iniciativa é o projeto de Inclusão Produtiva, voltado para mulheres que vivem nas áreas de influência do Complexo, visando o desenvolvimento local e o empreendedorismo, como a geração de renda para subsistência e venda de excedentes. Os projetos sociais da companhia fazem parte do Programa AES Brasil Gera+, que reúne iniciativas promovidas junto às comunidades vizinhas das áreas de atuação da Companhia e busca promover impacto positivo nos pilares: proteção de direitos, educação, inclusão produtiva e empreendedorismo e segurança hídrica.

Investimentos em inovação

A AES Brasil também está avançando no fomento à inovação em toda a região Nordeste, com o programa de Inovação Aberta, promovendo oportunidades para startups e projetos de P&D (Pesquisa & Desenvolvimento) em diversas áreas relacionadas aos negócios da Companhia, com visitas técnicas aos principais espaços de inovação e Institutos de Ciência e Tecnologia da região. Além disso, a AES Brasil lançou recentemente o projeto Conecta Energia, primeiro programa de inovação aberta com foco em energias renováveis no estado, visando a geração de ideias e negócios para solucionar desafios do setor, como descarbonização, geração eólica e inovações socioambientais, oferecendo prêmios até R$ 60 mil e possibilidade de investimentos de R$ 2 milhões via P&D Aneel (as inscrições seguem abertas até 31 de agosto). O Conecta Energia tem parceria com Sebrae/RN e a Avati Aceleradora.

SERVIÇO

O que: Formatura da primeira especialização para mulheres no RN em operação e manutenção de parques eólicos

Quando: 24 de agosto de 23, às 18h30

Onde: Hub de Inovação e Tecnologia (HIT) do SENAI-RN

Endereço: Av. Capitão-Mor Gouveia, 2770 – Lagoa Nova, Natal – RN

Fonte: João Fellipe Ramos Cruz

×