oferecimento
Esqueci minha senha

Gestão Estratégica de Negócios

Paulo Walter

 

Não brigue com o resultado da pesquisa

- 20/03/2010

Estou debruçado sobre o resultado da Pesquisa Salarios da Manutenção 2010. Foram 709 respostas válidas. Para um país com poucos numeros, que pouco conhece a si mesmo, e para um setor desacostumado a ser ouvido,  pesquisar o universo da Manutenção tem sido uma grata surpresa. E o sucesso, nesse caso, traz mais trabalho. Muito mais.

New Sense Safety Tênis a prova de choque

Sou um apaixonado pelo assunto Gestão de Ativos. E trabalhar no que se gosta, devo confesssar, é o melhor dos mundos. Ter os indicadores certos, com informação de qualidade, atualizada, é tudo de bom.

A compilação deste levantamento sobre remuneração e benefícios da galera da Manutenção é mais um destes trabalhos que a gente olha e diz: na mosca!

O relatório comentado ainda está em elaboração, mas algumas coisas já sobem à tona, pinçadas aqui e ali:
– A participação nos lucros e resultados já é uma realidade para mais de 50% dos cargos com exigencia de curso superior;
– Os gerentes da Manutenção, em sua maioria, tem mais de 15 anos de experiencia profissional e entre 10 e 15 anos de empresa;
– Se a sua empresa não lhe oferece Plano de ‘Saúde, isso é preocupante. Voce está entre 30% dos profissionais cuja cesta de beneficios é pobre se comparada com os outros 70% masi bem atendidos.
– O profissionais da Manutenção ganham, numa faixa de 30 a 60%, ajuda de suas empresas para fazerem cursos tecnicos, faculdade ou pós-graduação.
– Cursos de idioma parece que não empolgam ainda as empresas como beneficio para seus profissionais. De 10 a 15% dos nossos mantenautas declararam que este tipo de beneficio está disponivel onde trabalham.
– Carro da Empresa? Isso é coisa para muito poucos. Gerentes e Diretores. Na faixa aí dos 35%. E olhe lá.

Analisar uma pesquisa requer atenção e isenção. As vezes o numero que aparece não é bem o que voce gostaria ou mesmo lhe interessa. Quando isso acontece, leio o cartãozinho lembrete que fiz para mim mesmo: Não brigue com a pesquisa. E sigo em frente.

A pesquisa tinha um campo onde as pessoas podiam colocar suas observações. Impressionante como a turma da Manutenção é interativa. Apareceu desde reclamação sobre a influencia politica na carreira em estatais, até a constatação de que não se pode agradar a todos pois teve gente que reclamasse do questionario.

Foram muitos os elogios e contribuições, o que me deixa particularemte feliz. Um destas contribuições diz, textualmente: “Acho que ficou bastante interessante a pesquisa. Acredito que teremos apenas amostragem no nível de Gerência e Coordenação, ficando os níveis operacionais fora da pesquisa. Talvez se a pesquisa fosse direcionada para os responsáveis da empresa preencherem os níveis de salários praticados por função, acredito que também teríamos uma amostragem da faixa salarial da Equipe de Operação.”

Está registrado. Em breve vamos lançar uma pesquisa direcionada ao pessoal de RH e de gestão, para que nos ajudem neste aprofundamento.

Salários e Benefícios. Isto muito me interessa. E a quem não?

Abraços

Paulo Walter

TECNOFINK – soluções de reforma, reconstituição, revestimento, manutenção, isolamento, retubagem e limpeza industrial. Acesse www.tecnofink.com

 

Andaime Plataforma – Além de mais seguro e produtivo, agora pode ser adquirido em 48 vezes pelo cartão BNDES. Acesse www.monteeuse.com.br

New Sense Safety Tênis a prova de choque
Publicado por: Paulo Walter

3 Comentários


  1. Caio Marcelo

    É Paulo, esse assunto é muito interessante realmente.

    Eu ainda não vi o resultado da pesquisa, mas ao meu ver, a pesquisa deve apontar uma discrepancia nas remunerações dos profissionais de manutenção, em variação da localização geografica da empresa e do seu porte, eu moro em uma cidade e trabalho em outra, e é evidente esses tipos de coisas, profissionais que tem as mesmas atribuições com uma discrepancia abissal nas suas remunerações.

    Estou no aguardo do resultado final, para tercer as minhas próprias conclusões, mas de qualquer forma a iniciativa foi muito boa.

  2. Mauricio de Barros Faria

    Paulo,
    Parabéns pela elaboração da pesquisa.
    Ainda não vi os resultados, mas tenho certeza que é um grande início para termos as áreas de manutenção das empresas mapeado.
    Será de grande valia para saber onde estamos e para consolidar a área de manutenção como uma área mais do que necessária na vida de uma fábrica.

  3. Leandro José Soares

    Paulo, essa pesquisa salarial específica da Manutenção é algo que precisávamos neste mercado, confesso que estou muito curioso para conhecer estes números. Acredito que esse trabalho poderá auxiliar muito as empresas de manutenção a conhecerem melhor o mercado em cada região desse nosso país continental.
    Abração.

    Leandro

× Converse no WhatsApp