New Sense Safety Tênis a prova de choque
oferecimento
Esqueci minha senha

Gestão Estratégica de Negócios

Paulo Walter

 

INDICADORES DE MANUTENÇÃO – Comentário dos Comentários – Olha o Custo aí, gente!

- 01/07/2008

Selecionei alguns comentários que recebi sobre a série IDM.
vamos a eles:
“O olhar que colocamos sobre os custos de manutenção, sacrifica velhos e superados conceitos que confundem custos de manutenção e custos da manutenção. (Rubens Garcia)”.
“Entendo que a manutenção deve ter o menor custo possível sim, porem com a precaução de não impor prejuízo ao sistema produtivo de que participa, ou a depreciação do capital.(Sérgio Seleghim)”
“Quando falamos em manutenção devemos ser extremamente cautelosos, porque a idéia que a palavra “Manutenção” nos proporciona é de custo.(Domingos Sande)”.
Pois é, né? Acho que no capacete do pessoal da manutenção está escrito bem grande “CUSTO’ e, pequenininho embaixo, Manutenção.
É como nos veem. É como nos sentimos. E é como deixamos que as coisas permaneçam.
Sem indicadores corretos e profissionais, nos resta gerenciar e ser gerenciados pelo indicador que nos dão: Custo.
Se não mostramos a realidade do que fazemos como disponibilidade operacional, tempo médio entre falhas, tempo médio para reparos, etc., ficamos na mesmice do quanto se gastou para resultado sabe-se lá qual.
Na dúvida, a manutenção é um buraco por onde o dinheiro desaparece.
Ou seja, se a Manutenção não tem suas referencias, fica a revelia neste processo de empurra e puxa.
Sem argumentos, somos “o mal necessário”, como consta da máxima de Sutter.
É isso aí.
Abraços
PW

New Sense Safety Tênis a prova de choque
Publicado por: Paulo Walter

Nenhum comentário ainda


× Converse no WhatsApp