CityPubli 750 x 120
oferecimento
Esqueci minha senha
Avatar photo

Gestão Estratégica de Negócios

Paulo Walter

 

9 Verdades e 1 Mentira sobre Balanceamento de Máquinas e Análise de Vibrações.

- 08/05/2017

Conversando com meu amigo Luciano Ponci (TEKNIKAO) sobre a importância da Manutenção Preventiva nas empresas, de qualquer tipo, e como poderíamos falar do tema sem sermos repetitivos, resolvemos criar um texto que falasse, de forma leve, sobre as melhores e mais rentáveis técnicas que se pode aplicar nos equipamentos mais importantes da maioria das instalações Brasil afora. Pegando carona no que circula nas redes sociais, resolvemos fazer uma lista diferente.

CityPubli 750 x 120

Análise de Vibração é um bicho papão?

Como falar de Análise de Vibração e Balanceamento de Máquinas, demonstrando que não são técnicas do tipo “bicho de sete cabeças”?
Assunto extenso esse. Mas o principal a ser tratado era a questão da atenção e qualidade nos recursos humanos e materiais, que lidam com essas técnicas. Resolvemos então fazer uma lista, sobre a qual só quem entende do assunto pode “dar pitaco”. Os profissionais da área é que sabem “onde dá pé e onde não dá pé”.
Onde a Manutenção é organizada, todos os esforços são para obter um retorno adequado em aumento de confiabilidade e disponibilidade dos equipamentos, sem deixar de lado o cuidado com custos (investimentos) que possam dar o devido retorno financeiro.

Análise de Vibrações e Balanceamentos Dinâmicos não são nenhuma novidade no mercado, mas todo dia nos deparamos com dúvidas e situações de clientes onde a falta de clareza de alguns conceitos podem induzir a erros de procedimentos, diagnóstico e ou de intervenção de manutenção. Algumas “lendas” precisam ser desmitificadas, pois erros conceituais no básico podem desanimar o profissional ou a empresa a avançar ou mesmo continuar usando as técnicas de preditiva.

Mentiras e Verdades – 9 contra 1

Você é capaz de identificar na lista abaixo quais são as 9 verdades e 1 mentira sobre o tema Análise de Vibrações e Balanceamentos Dinâmicos?

  1. Vibração = Desbalanceamento;
  2. Aceleração do movimento vibratório = Alta Frequência;
    Velocidade do Movimento Vibratório = Baixa Frequência;
  3. Balanceamento em torno de usinagem é a melhor forma de se obter maior qualidade no resultado final;.
  4. Usar acelerômetro em balanceadoras de mancal rígido não é uma boa opção;
  5. Usar Acelerômetro de maior sensibilidade é o que há de melhor para analisar defeitos em rolamentos;
  6. Usar pouca resolução de espectro para “limpar” o sinal é uma boa técnica;
  7. O controle de qualidade de vibração com uma pessoa “medindo” o Ruído em cabine acústica é solução aceita pelas normas internacionais;
  8. Novas técnicas de análise de rolamentos servem para aumentar a venda de rolamentos;
  9. Manutenção Preditiva tem custo alto, principalmente quando se fala de Balanceamento de Máquinas e Análise de Vibração, e não há como se saber se há economia ou não ao se aplicar essas técnicas;
  10. A Termografia substitui a Análise de Vibração e vice-versa;

 

A lista aí está. Agora é com você.
Deixe seu comentário e nos diga quais itens são mentiras (falsas crenças, digamos) e onde está a afirmação verdadeira da lista apresentada.

Está valendo o elogio para a discussão em grupo. As repostas virão nos comentários e em artigo posterior que publicaremos.

Abraços

Luciano Ponci e Paulo Walter

Para mais informações sobre Análise de Vibrações e Balanceamento Dinãmico de Máquinas, acesse www.teknikao.com.br

In-haus 650x380
Publicado por: Paulo Walter

2 Comentários


  1. Albely Lesnau

    Colocando em forma de lista vemos o quanto de informações temos que ter para executarmos bons serviços.
    Minha área é elétrica, mas creio que a 8 é a mentira.
    Parabéns!

  2. Alcimar

    Eu também acredito que a errada seja a 8

× Converse no WhatsApp
In-Haus 750x120