monteeuse 750x120
oferecimento
Esqueci minha senha
Avatar photo

Gestão Estratégica de Negócios

Paulo Walter

 

INDICADORES DE GESTÃO: VALE NO FUTEBOL E NA EMPRESA TAMBÉM

- 12/12/2019

Em todos os lugares e em quase todas as situações somos diariamente bombardeados por indicadores. E gostamos! Mais ainda quando eles vêem bem apresentados em infográficos bem elaborados.

CityPubli 750 x 120

A visualização da informação, bem arrumadinha e pensada, nos mostra, de imediato, se a coisa está boa ou não. Se a tendencia é positiva ou ruma ao desastre.

Pena que o uso de indicadores ainda está mais em áreas de lazer do que de negócios.

No futebol, usamos e abusamos de números, scouts e registros.
Por exemplo, contrata-se um jogador pela média de gols que fez ou evitou nas ultimas temporadas.
E a classificação final no campeonato pode se dar pelo saldo de gols da equipe.
A equipe é boa porque tem mais posse de bola ou por ter mais chutes a gol que seus adversários mais próximos da tabela de classificação.

Nas empresas devíamos proceder de igual forma. mas não é bem assim.

Devia-se contratar um Coordenador de Manutenção pelo OEE que entregou nos últimos anos em seu trabalho anterior. O orçamento deveria acompanhar a tendencia de produção e o mesmo com relação ao investimento em produtividade.
O MTTR devia ser medido com afinco para saber se o dimensionamento de equipe está OK e o que dizer do BACKLOG que pode nos mostrar se o acúmulo de serviço pode nos matar ou salvar?

A Manutenção Prescritiva se nutre 100% de indicadores e é a política mais usada nas empresas líderes, que são aquelas que lidam bem com sua base de dados.

Indicadores, indicadores e indicadores. Do tipo “siga o líder” ou “eu bem que avisei”.

Quem faz bom uso, sabe do que estou falando.
Quer implantar uma Gestão de Ativos classe mundial?
Posso ajudar.
Me liga. A gente conversa.

In-haus 650x380
Publicado por: Paulo Walter

Nenhum comentário ainda


× Converse no WhatsApp
CityPubli 750 x 120